Porque nos mudamos para Porto de Galinhas!

Eiii, pessoal! Tudo bem? Nesse ano de 2018 resolvi que preciso me dedicar mais ao meu blog! Ideias de posts tenho várias, mas pensei em criar um novo tópico: Porto de Galinhas: para morar. Minha ideia é dividir com vocês como está sendo nossa experiência de morar aqui e compartilhar dicas, informações, etc!

Bom, então vou começar do começo, como tudo aconteceu. Em 2012, Everaldo passou em um concurso em Pernambuco e foi morar em Recife. Confesso que eu relutei muito, tinha medo da cidade e também não queria abrir mão da minha vida em Natal, mas, em janeiro de 2013, nós nos casamos e eu vim morar no estado.

Assim que mudei, chegamos a procurar casa para morar em Porto de Galinhas, mas, naquela época, internet era algo precário nessa região e eu precisava para trabalhar, então, desistimos da ideia e ficamos pela cidade mesmo. Logo depois compramos nosso apartamento e aí “fincamos” raízes.

Depois de quase 4 anos, nós começamos a fazer muitos amigos em Porto de Galinhas (que também se desenvolveu muito nesse tempo) e a vontade de vir morar por essas bandas foi aumentando de novo. Apesar da nossa vida toda estruturada, a gente pensava em poder morar em uma casa, curtir mais a praia, principalmente enquanto ainda não tínhamos filhos e poderíamos viver um lugar assim.

Então, no meio do ano de 2017 a gente voltou a tocar nesse assunto e decidimos que assim que Everaldo terminasse o curso que ele fazia em Recife, nós iríamos nos mudar para Porto e assim foi! Foi uma decisão difícil? Não. A gente já tinha cogitado isso em 2013 e em 2017 a gente estava numa fase que nada nos prendia em continuar morando na cidade. Era aquele momento ou talvez nunca mais.

Escutei: “ahh, mas lá não tem shopping”, “ok, a gente mal vai pra shopping”, “ahh, mas e o seu trabalho?” “foi melhor para o meu trabalho”, “ahhh, mas você vai sair do seu apartamento lindo para morar em uma casa de praia?” “ué, faz parte, né?”. Inclusive pessoas próximas a mim chegaram para dizer que eu me arrependeria e iria voltar correndo. Aiaiiii…. Mas também tenho que dizer que a maioria das pessoas nos deu a maior força e falavam: “é a cara de vocês!”.

Outubro de 2017 alugamos nossa casa em Porto, novembro nos mudamos e aí a história começa!!! Aguardem os próximos capítulos! 😛

Beijos,

Gab

Porto de Galinhas (guia completo)

Oi, galera! Porto de Galinhas é um dos destinos mais procurados aqui em Pernambuco e, provavelmente, a praia que mais visitamos na vida! rs Então, pensei em fazer um post completíssimo com todas as dicas que eu tenho sobre esse paraíso!

Porto fica a 50km, mais ou menos, do aeroporto e fica localizada no município de Ipojuca. Você pode ir pela BR ou optar pelo pedágio (nós preferimos a segunda opção). O pedágio custa em torno de R$7,00.

A melhor época para curtir Porto é no verão, entre outubro e abril. Nessa época faz bastante sol, não venta tanto, a água fica mais cristalina e morna. Mas, claro que pode acontecer de pegar chuva, vento e água turva. Esse ano (2017), por exemplo, o clima está bem atípico, chovendo e ventando muito mais do que é normal.

Opções de hotéis, pousadas e hostels não faltam em Porto. Desde os mais luxosos resorts até as casas para alugar. Nós já alugamos casas (bom custo x benefício) e já ficamos em pousadas.

  • Pousada Quatro Estações: ótima localização (150 metros da praia, 5 minutos da vila de Porto), tem estacionamento privativo e excelente custo x benefício. Média de R$230,00 a diária do quarto duplo com café da manhã incluso.
  • Pousada Vila das Artes: também tem excelente localização (na vila de Porto), praticamente beira mar (fica perto do letreiro). Café da manhã delicioso, atendimento muito bom e quartos grandes, limpos e fofos. Média de R$250,00 o quarto duplo com café da manhã.

Opção de restaurante TOP em Porto também não falta! Segue a listinha dos restaurantes que já fiz post e mais alguns outros que vale a pena conhecer também!

  • Barcaxeira: minha sugestão são os gratinados! Já comi o de brócolis e o de shitake e shimeji e são as coisas mais gostosas desse mundo! Para quem não é vegetariano, o de camarão e de carne de sol também fazem sucesso!
  • Beijupirá: o melhor camarão gratinado que já comi na vida foi lá (ainda não era vegetariana quando fui!). A casquinha de caranguejo também é deliciosa!
  • La Crêperie: uma opção de comida menos pesada. Crepes deliciosos! As opções vegetarianas de lá são maravilhosas! Peçam o crepe de berinjela. Juro que você não se arrepende!
  • Munganga Bistrô: só de lembrar do risoto vegetariano que pedimos lá, minha boca enche de água! rs A paella de frutas do mar é uma das favoritas de Everaldo! Ahh, e peçam a caipifruta de cajá, é deliciosa!!!!

Outras opções de onde comer:

  • Sorveterias: Glu e Della Fruta!
  • Gratin: fica junto do Munganga Bistrô e a comida é excelente!
  • Café da Moeda: os pratos são muito bem servidos, o lugar é fofo e o preço é bom.
  • Dona Gi Pizzaria.
  • Açaí Concept

Eita, que é coisa! Rs! Vou dizer o que já fiz e recomendo.

  • Curtir a praia de Porto de Galinhas: de preferência com a maré baixa, pois fica aquele piscinão. Tem como alugar prancha de stand up, dá para mergulhar de snorkel nas piscinas naturais, fazer o passeio de jangada e tirar fotos lindas submersas, indico meu amigo e fotógrafo TOP Thiago (@thiagocavalvantifotografia).
  • Trilha com a Cris da Set Sport. Ela aluga máscaras diferenciadas e faz trilhas pelas piscinas naturais. Vale super a pena!
  • Passeio de buggy ponta a ponta. Vai ter levar nas principais praias da região de um lado ao outro.
  • Projeto Hippocampus: eles trabalham com a conservação dos cavalos-marinhos e tem um projeto super bacana em Porto que vale a pena conhecer!
  • Visitar o Ecoassociados. Eles também tem um projeto bem bacana, só que para cuidar das tartarugas. Em determinadas épocas do ano é possível acompanhar o nascimento das tartaruguinhas pelas praias da região.
  • Mergulho de cilindro nas piscinas naturais.
  • Surfar
  • Visitar as praias vizinhas: Muro Alto, Maracaípe, Serrambi… e conhecer o Pontal do Cupe e o Pontal de Maracaípe (para ver o pôr do sol).

  • Protetor solar, repelente, chapéu, toalha, saída de praia, chinelo, óculos de sol, biquíni, shorts, vestido leve, rasteira, bolsa de praia.
  • Outros: equipamentos de mergulho (snorkel, nadadeira…), guarda-sol (caso não queira ficar nas barracas) e não esqueça a máquina fotográfica!

 

Dependendo de onde você estiver hospedado, é possível fazer a maioria das coisas à pé, mas também tem a opção de alugar um carro ou pegar um úber ou táxi.

  • Porto de Galinhas já tem bastante estrutura como supermercados, farmácias, lojas, restaurantes e caixa eletrônicos.
  • Apesar disso, em época de feriado e férias é bom não arriscar, pois às vezes falta dinheiro nos bancos e caixas.

Site de Porto de Galinhas: http://www.portodegalinhas.org.br/

Veja a tábua da maré: https://www.surfguru.com.br/previsao/mare/30645

Gente, qualquer dúvida, me mandem! Vou adorar ajudá-los caso tenha ficado alguma dúvida!

Beijos,

Gab