Posts

Bento Gonçalves – RS

Quando colocamos o Rio Grande do Sul na nossa viagem em 2015, eu imaginava que ficaríamos ali por Gramado e Canela, mas quando fui montar o roteiro, achei que seria melhor e mais em conta ficar em Bento. Gente, eu ameiiiii aquela região, muito mais até que Gramado e Canela. BUT acho que teríamos aproveitado mais e melhor se tivéssemos ficado uns dias em Bento e uns dias em Gramado ou Canela (ou até ter ficado em alguma cidade próxima que fosse mais em conta a hospedagem).

Nós saímos do Uruguai em um ônibus noturno e logo cedo chegamos em Porto Alegre. Lá nós alugamos um carro e fomos até Bento. Da rodoviária pegamos um táxi até o aeroporto. Foi onde ficamos de pegar o carro que alugamos na Dollar Rent a Car. 1 hora e 40 de viagem, mais ou menos. Estrada super tranquila!

Em Bento ficamos no Laghetto Viverone. Um hotel maravilhosoooo e que amamos! Desde o atendimento ótimo, até o café da manhã gostoso e os quartos lindos!

Site: http://www.laghettoviveronebento.com.br/apartamentos-em-bento-goncalves/apartamento-luxo/10

Custou R$1.400,00 7 diárias (deu esse valor porque consumimos no hotel, janta e frigobar, mas dava uns R$1.188,00).

  • Mamma Gema: ótimo! Lugar é lindo, romântico e o atendimento excelente! Everaldo tomou um vinho e nós pedimos um filé ao alho poró e risoto de ervas finas. Comida deliciosaaaa!!! E o prato, muito bem servido!
  • Nella Prieta, em Bento. Uma pizzaria fofa e maravilhosa!
  • Canta Maria: Escolhemos a opção Comida Típica Italiana (R$59,00 por pessoa). Daí vinha entrada (sopa), saladas, carnes… O que eu mais gostei foi de poder escolher as massas e os molhos. Gente, uma delícia!!!! E ainda tinha direito a sobremesa. O pudim de leite estava show!!!
  • Vale Rústico: Esse é um dos melhores restaurantes da região e nós concordamos! O lugar é lindo e tem uma vista maravilhosa! Perfeita para tirar fotos! Bom, lá o esquema é o seguinte: tem o cardápio com a sequência de pratos (entrada, prato principal, etc) e a você escolhe se quer com ou sem vinho. Sem vinho acho que custa uns R$79,00 se não me engano, e com saiu R$128,00. Everaldo dirigiu esse dia, então eu fui com vinho. No cardápio tem as opções e tem destacado os pratos que harmonizam melhor com os vinhos que eles servem. Como não sei sobre vinhos, pedi que meus pratos fossem o que eles destacaram.
  • Nona Ludia: bem indicado. Fomos sem reserva, mas essa época está bem tranquilo, então  tinha vaga. O lugar é legal, e o esquema é o mesmo do Canta Maria (rodízio), vem primeiro a sopa, saladas, carnes, massas… Custou R$43,00 por pessoa e só tomei uma taça de vinho.

  • Visitar a família Vaccaro: Primeiro, o atendimento foi excelente! Nossa, como amamos! O casal que nos atendeu foi muito atencioso e querido! Passaríamos o dia inteiro conversando! Chegamos por voltas das 14h30, não tínhamos almoçado e fomos fazer o piquenique, que é um das opções que eles oferecem (ficamos loucos para provar do galeto recheado, quem optar marque com antecedência). Nos indicaram algumas opções de lugares por lá, mas quando falou que tinha uma cachoeira, não pensamos duas vezes! \o/ Foi simplesmente delicioso! As comidinhas estavam todos gostosas (pães, bolachas, geleias, salame, queijo… aff!!! Ah, também tinha um suco de uva delicioso, um vinho (Everaldo que tomou e eu dirigi) e água. Perfeito! Comemos muito e ainda sobrou!
  • Degustação de Vinhos Bettú. Também foi bem legal. Lá tivemos a oportunidade de aprender um pouquinho sobre vinhos e adoramos! Como eu estava dirigindo, só Everaldo degustou, mas mesmo assim o senhor Bettú servia pra mim também. Pelo menos eu podia sentir os diferentes aromas e ver as cores! Muito legal!
  • Casa Valduga para comprar vinhos. Obs: nessa viagem eu conheci os vinhos de lá, tomei outros também, mas cheguei a conclusão que os meus vinhos são os da Valduga mesmo! Bem leves! Lá você pode degustar. Achei ótimo porque você compra aquele que mais agradou mesmo.
  • Passeio na Maria Fumaça. É um passeio de trem que sai de Bento e vai até a cidade de Carlos Barbosa. São duas horas de passeio, vai de trem e volta de ônibus. Nosso passeio saia às 09h (marque com dias de antecedência porque lota!) e custou uns R$80,00 por pessoa. Logo antes de sair já tem degustação de vinho ou suco de uva. Nessa parada deu para tirar fotos e teve mais degustação! Depois chegamos em Carlos Barbosa e pegamos o ônibus de volta. Achamos o passeio meio sem graça e caro, mas fazer o quê, né? Depois tivemos direito de ir à Epopéia Italiana. Gostamos mais desse passeio do que o de trem. Esse é uma viagem ao tempo. Conta a história de um casal que sai da Itália para o Brasil. A estrutura é bem legal!

  • Aluguel de carro: No RS alugamos o carro pela Localiza, pegamos o carro na agência do aeroporto de Porto Alegre e deixamos no mesmo local. Dessa vez foi um Sandero e não lembro exatamente quantas vezes abastecemos, porque rodamos 1.000km nesses dias por lá. Custou R$995,00 para 8 dias.
  • Hotel em Porto Alegre: Eu amei tanto o hotel em Bento que ficamos no Viverone Moinhos em Porto Alegre. Gente, que hotel mais liiiindo!!! O atendimento não foi tão bom quanto o de Bento, mas o lugar era lindo demais! A localização dele é excelente! Próximo aos melhores restaurantes de Porto Alegre e você consegue até ir andando. Lugar lindo! Custou R$270,00 a diária. Site: http://www.hotellaghettomoinhos.com.br/